Sem distrações

Você já viu ou já esteve alguma vez em um confinamento? Sem entretenimento ou qualquer outra coisa que cause um tipo de distração?

Ficar isolado do mundo força o nosso cérebro a liberar um turbilhão de pensamentos e comprovadamente a razão de tais pensamentos está ligada aos nossos medos e ansiedades, ou em nossas rotinas, e tudo isso porque o nosso cérebro precisa estar ativo.

Você deve estar perguntando agora: “Ok, mas o que é que isso tem a ver com a minha vida espiritual?”,  continue comigo nesse post pois irei lhe explicar agora!

Tudo isso tem a ver com o deserto; você já parou para pensar o porque Deus sempre conduzia as pessoas para o deserto?

No deserto estamos completamente vulneráveis, ou seja é impossível conseguir esconder quem realmente somos.

A palavra de Deus fala que ¹o Senhor conduziu o povo de Israel pelo deserto para *humilhá-los e pô-los à prova a fim de conhecer suas intenções, porém:

“Quantas vezes mostraram-se rebeldes contra ele no deserto e o entristeceram na terra solitária!” Salmos 78:40

A mesma palavra mostra que tempos depois ²o Espírito Santo conduziu Jesus ao deserto para ser **tentado. Ops tentado? Mas como, se no deserto não há distrações?

Isso mesmo, aparentemente não há, mas na verdade, nós mesmos somos a distração.

O povo de Israel ficou no deserto 40 anos por se distrair com seus próprios entendimentos e Jesus 40 dias apenas, por estar conectado em Espírito com Deus e esta foi a grande diferença: a intenção. Pois ³Deus sempre cuidou da jornada do seu povo pelo deserto, mas eles ansiavam as bonanças do mundo para si e se fizeram distraídos por seus próprios pensamentos.

Jesus queria mais do Espírito de Deus, por tanto não se deixou levar pelas tentações que lhe foram oferecidas. 

Então amigo(a), estamos neste exato momento vivendo dentro de um deserto chamado fim dos tempos, onde as tentações também são de acordo com nossos medos, anseios e rotinas. Deus tem observado nossas intenções e suprido nossas necessidades, mas Eis que vêm dias, diz o Senhor DEUS, em que enviarei fome sobre a terra; não fome de pão, nem sede de água, mas de ouvir as palavras do SENHOR.” Amós 8:11 

E a dica que encontramos em sua Palavra para aguentarmos até o fim sem distrações é:

“Mantenham o pensamento nas coisas do alto, e não nas coisas terrenas. Pois vocês morreram, e agora a sua vida está escondida com Cristo em Deus. Quando Cristo, que é a sua vida, for manifestado, então vocês também serão manifestados com ele em glória.” Colossenses 3:2-4 

Por Helen Priscila

Ref.
¹ Deuteronômio 8:2 
² Mateus 4:1
³ Deuteronômio 1:31

*Tornar humilde; demonstrar obediência, respeito, submissão em relação a algo ou alguém
**Próximo a ceder à tentação; seduzido, atraído.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *