O propiciatório

“Ali, virei a ti e, de cima do propiciatório, do meio dos dois querubins que estão sobre a arca do Testemunho, falarei contigo acerca de tudo o que eu te ordenar para os filhos de Israel.” Exodo 25.22

A arca da Aliança não é somente um símbolo da Presença de Deus, mas um símbolo de quem é a própria bênção, dos filhos… de Abraão!

Dentro da Arca haviam três itens muito importantes e que tem um simbolismo muito profundo dentro da nossa fé (Hb 9.4)


As tábuas da Lei: Era o primeiro grande registro da Palavra de Deus ao Homem, escrita nas pedras por Moisés no Monte Sinai e que representam a força da Palavra de Deus dentro de quem é fiel.


A vara de Arão que floresceu: É a prova de que Deus escolheu o Sacerdócio de Arão, a certeza de seu chamado, de sua vocação de ser fiel a Deus!


A porção do Maná: O Maná era uma refeição provida pelo próprio Deus. Diz o Texto que se alguém pegasse mais do que o necessário para um dia, no dia seguinte ele se encontrava apodrecido e cheio de bichos (Ex 16.20). Mas a porção que ficou dentro da arca permaneceu durável pelos mais de 600 anos em que a arca permaneceu no Santo dos Santos até a invasão da Babilônia em 609 a.c. Este era símbolo da provisão, do sustento que Deus não deixa faltar a quem é fiel.

Porém existia na arca um lugar ainda mais especial, que servia para proteger tudo isto: O Propiciatório!

O Propiciatório era a “tampa” da Arca, que protegia o que havia dentro dela. Onde o sacerdote aspergia o sangue do sacrifício🐑 e também onde ficavam os querubins olhando ambos para o mesmo ponto de onde se manifestava a Shekiná, a Glória de Deus! 🔥

O nome, propiciatório, se refere ao fato de que ao receber o sacrifício, Deus se manifestava exatamente entre os dois querubins e dava a direção ao Povo de Israel, se tornando favorável, propício ao povo.
🗣

O propiciatório de nossas almas é a nossa consciência! É por meio dela que guardamos as Palavras de Deus, a certeza de nossa eleição e o sustendo da nossa fé, e onde Deus se manifesta para nos direcionar e nos mostrar o caminho a seguir. É onde aspergimos o “sangue” da nossa entrega moral, consciente e racional para que Ele se manifeste com sua poderosa presença.

Quando recebemos a “Shekiná”🕊, a presença do Espirito Santo, somos guiados e direcionados pela Sua Palavra, recebemos a certeza da nossa Salvação que floresce como a vara de Arão, e somos sustentados por Ele, mesmo em meio aos desertos da vida pelo Maná que Ele mesmo nos provê.

A Nossa consciência deve ser tão sagrada quanto era a arca, e isso exige sacrifício, respeito ao que guardamos dentro de nós.


O cuidado com a nossa consciência é tão importante que Paulo orienta a Timóteo que mantenha a “…fé e boa consciência, porquanto alguns, tendo rejeitado a boa consciência, vieram a naufragar na fé.” (1 Tm 1.19)🛶


Se você manter a sua consciência pura e limpa, será intocável, como a Arca de Deus!

Por isso os Filisteus não puderam permanecer com a arca, assim como o Mundo não pode nos prender; Dagon teve que se prostrar, assim como o diabo não pode ficar de pé diante daqueles que são sinceros em obedecer a Palavra do altíssimo!

Deus abençoe a todos!

Mensagem do mentor Rodrigo Calló

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *