Meditação preciosa para nossa vida espiritual

Olá pessoal! Hoje vamos fazer uma meditação do capítulo 17 de Jeremias? “O pecado de Judá está escrito com um ponteiro de ferro, com ponta de diamante, gravado na tábua do seu coração e nas pontas dos vossos altares.” (Jeremias 17:1)

No mundo espiritual não existe meio termo ou você está no altar ou fora dele. Quem não quer ir pro mundo, mas vive na ponta do altar, está enganando a si mesmo, pois está fazendo a vontade do seu coração. “Ó meu monte, no campo, a tua riqueza e todos os teus tesouros, darei por presa, como também os teus altos, por causa do pecado, em todos os teus termos.” (Jeremias 17:3)

Nós, filhos de Deus, temos por herança o Reino dos Céus e o melhor desta terra, porém o pecado, faz com que Ele detenha toda esta herança. Por conta disso vemos muitas pessoas sofrendo, sendo envergonha e nada do que fazem dá certo, mas isso não culpa do Senhor mas da desobediência. “Assim por ti mesmo te privarás da tua herança que te dei, e far-te-ei servir os teus inimigos, na terra que não conheces; porque o fogo que acendeste na minha ira arderá para sempre.” (Jeremias 17:4)

Deus ama o pecador, mas odeia o pecado. O pecado separa o ser humano de Deus. Por menor que seja o “erro”, devemos abandoná-lo, pois ele promete alegria e  prazer, mas na verdade trás dor e destruição. Agora vamos para a parte que fala do perigo de confiar no homem. “Assim diz o Senhor: Maldito o homem que confia no homem, e faz da carne o seu braço, e aparta o seu coração do Senhor!” (Jeremias 17:5)

Não podemos confiar na força do nosso braço ou na capacidade humana. Nossa dependência tem que ser totalmente em Deus. Ele deve ser nosso refúgio e nossa primeira escolha de Socorro, sempre! “Bendito o homem que confia no Senhor, e cuja confiança é o Senhor. Porque será como a árvore plantada junto às águas, que estende as suas raízes para o ribeiro, e não receia quando vem o calor, mas a sua folha fica verde; e no ano de sequidão não se afadiga, nem deixa de dar fruto.” (Jeremias 17: 7 – 8)

Aqueles que creêm em Deus de toda sua alma e entendimento, são cheios do Espírito Santo, não têm dificuldade em se entregar e por conta disso suas raízes estão junto às águas, que é o próprio Deus. E mesmo que venha as dificuldades e as lutas permanecem firme e forte e dão frutos mesmo em tempos difíceis.

“Como a perdiz, que choca ovos que não pôs, assim é aquele que ajunta riquezas, mas não retamente; no meio de seus dias as deixará, e no seu fim será um insensato.” (Jeremias 17:11) Abra a visão, o foco tem que ser nas coisas eternas, você pode conquistar o mundo inteiro, mas se você perder a Salvação, tudo que você tem, quando morrer, deixará aqui na terra.

Por Adriany Ferreira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *