Iai Brothers! Tudo bem com os senhores? Vamos falar sobre um tabu entre nós homens? Sensibilidade.

Entre 16 definições que encontrei¹, as que mais se aplicam aqui são: “qualidade do que é sensível”; “capacidade de captar e expressar sentimentos e coisas”; “… de detectar e amplificar minúsculas variações”; entre outras.

Não estamos falando aqui da sensibilidade emotiva, aquela que demonstra imaturidade diante das situações. Estamos falando de um tipo que demonstra justamente o contrário: Maturidade Espiritual.

Em provérbios 4 lemos uma das melhores recomendações de Salomão para nós, jovens. Lá, o Espírito Santo nos adverte sobre a importância de guardarmos o coração e a mente de entrar em contato com as coisas erradas desse mundo em que vivemos.

Na estrada dos ímpios não te embrenhes, não sigas pelo caminho dos maus.
Evita-o, não passes por ele, desvia-te e toma outro… Provérbios 4:14,15

Estou falando sobre isso aqui, meus amigos, porque volta e meia me choco com a insensibilidade de muitos de nós, que têm contato com coisas claramente inconvenientes para a Fé e acham isso normal. Já perderam a capacidade (ou a vontade) de se chocar, de repudiar, de odiar o mal, a violência, a indecência, a corrupção, a injustiça. Por verem essas coisas todos os dias na televisão, jornais, revistas, internet e etc, já se deram por acostumados a se alimentar desse lixo produzido e distribuído largamente e sem pudor algum. Muitos inclusive pesquisam, vão atrás e se nutrem de informações e coisas que em nada vai lhes ajudar. E o pior: se já se acostumaram, logo não se habilitam a lutar contra essas coisas, o que pode ser uma tragédia na Guerra da Fé para si e para quem precisa de ajuda.
Isso parece um papo de crente, né? Só que não é, parceiro. Falar sobre isso é falar sobre a nossa alma. Ela nada mais é do que o conjunto de informações e experiências que você vai agregando ao longo da vida aqui. Chega uma hora – no momento em que adquirimos consciência de nossos atos – que ela se torna o mais puro resultado de suas escolhas. Daí, o destino dela vai depender da sua composição. Se ela vai subir ou descer, depende do que ela se nutriu. De quem ela mais serviu. Entende?

Cuidado com o que você lê, vê, ouve e mais especialmente com o que você pensa e sente. Seja sensível para detectar o que não presta e fuja disso! Não se acostume com as coisas sujas desse lugar que chamamos de “lar”. Não se esqueça, brother: Não somos desse mundo! Estamos aqui de passagem e com um propósito: Amadurecer e Servir ao nosso Deus; pra conquistar um espaço num Lugar que verdadeiramente vamos poder chamar de Lar.

Guarda teu coração acima de todas as outras coisas, porque dele brotam todas as fontes da vida. (…)
 Que teus olhos vejam de frente e que tua vista perceba o que há diante de ti!
Examina o caminho onde colocas os pés e que sejam sempre retos! 
Não te desvies nem para a direita nem para a esquerda, e retira teu pé do mal.
 Provérbios 4:23, 25-27

Referências: ¹ https://goo.gl/oGSynV

Por David Boni

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here