A cerviz endurecida

A cerviz na anatômia humana é a região posterior do pescoço, ou seja, a nuca. O termo se dá por conta das vértebras cervicais, estas dão sustentação ao pescoço. Quando há uma lesão grave nessa região ocorre a paraplegia, ou a tetraplegia.

Se você já teve o desprazer de ter uma torcicolo sabe como é difícil fazer qualquer movimento com o pescoço, até os movimentos mais simples são extremamente difíceis, porque o pescoço está enrijecido.

O povo de Israel tinha a sua cerviz dura, ou seja, não conseguiam e não queriam abaixar a cabeça nem se flexionar aos mandamentos de Deus. Eles estavam em um estado de “torcicolo permanente.”

Não se submetiam aos profetas e nem a Palavra de Deus, ao contrário, eram orgulhosas, prepotentes, soberbas, de olhar altivo, faziam o que queriam. E no fim todos nós sabemos o terrível mal que se abateu sobre todos eles.

Foram humilhados, exilados, cativos, quase destruídos por não quererem se submeter e abaixar a sua cabeça. O homem que muitas vezes repreendido endurece a cerviz será quebrantado de repente, sem que haja cura. (Provérbios 29:1)

A nossa cerviz deve ser flexível, ás vezes precisamos erguer os olhos para os montes, as vezes devemos apenas nos curvar. Por Gabriel Souza]]>

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *