No último domingo, 06/08, o grupo Filhos Universal em parceria com o grupo CRIIAD, visitou as Unidades de Internação Feminina e Masculina PAC GC, na Ilha do Governador.
Na unidade masculina, os homens levaram uma mensagem de fé e esperança aos jovens que ali se encontravam.

Na unidade feminina, o grupo Uniart apresentou uma peça teatral intitulada “O lixo” e após a reunião com as meninas, onde foi ministrada uma palavra sobre escolhas e oportunidades. Também houve um momento onde todos os voluntários do CRIAAD juntamente com os Filhos Universal cantaram uma canção para as internas e depois foi a vez de algumas mostrarem o seu talento.

Em meio a um lugar de tanta dor e sofrimento, houve alegria, paz e união, pois o Espírito de Deus tocou em cada pessoa naquele local.

Após a reunião, foi oferecido um lanche preparado com muito carinho, com bolo, salgadinhos e refrigerante às internas.

As 44 adolescentes ficaram muito felizes com a atenção que lhes foi dada, pois em meio a tanto sofrimento, houve ali quem lhes estendesse à mão e acreditasse no potencial de cada uma delas de construir uma vida digna e feliz e principalmente, alicerçada na fé em Deus.

“A experiência foi única! Através desse trabalho, Deus acha espaço para trabalhar dentro de cada um dos detentos, moldando aos poucos, o jeito, comportamento deles e isso eu pude ver com meus próprios olhos. A diferença do antes e depois desse trabalho é notável!” – Gabriel Oliveira

“Para mim foi realmente gratificante. Mesmo eu ficando um pouco preocupada em como falar com elas, de não constranger ninguém, na verdade fui surpreendida, pois elas realmente agarraram a oportunidade que estavam tendo para conhecer Deus e aprender um pouco a como mudar de vida. Deu pra ver que ali tem futuras Donas Esters, futuras mulheres de Deus e poder presenciar isso é muito gratificante.” Danielle Carneiro

“Levar Deus para as pessoas já é algo gratificante, e fazer isso naquele lugar junto com o CRIAAD, foi maravilhoso, porque por mais que a sociedade veja eles como um perigo, eu só conseguia ver ali jovens que se levarem aquela palavra ou oração a sério, mudará de vida. Jovens que pelo olhar você vê o arrependimento, em outros você vê o ódio ou mágoa, mas que você sabe que a oportunidade que eles precisam é de conhecer o Senhor Jesus, pra sair daquela situação e construir dali pra frente uma vida nova.” Lucas Saraiva

Este slideshow necessita de JavaScript.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here